CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®

Aproveite a nossa maior promoção do ano!

Descontos regressivos:
quanto antes você assinar, maior o desconto. A partir de 45% na assinatura anual.

  • Descontos diminuem com o tempo;
  • Quanto antes você assinar, maior o desconto;
  • Mais de 40 cursos à sua disposição;
  • Acesso a transmissões exclusivas para alunos;
  • Participação nos sorteios de assinaturas vitalícias (de 14 a 21 de novembro);
Assine agora
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
Homilia Dominical
8 Nov 2013 - 24:49

O casamento entre Deus e a humanidade

00:00 / 00:00
Homilia Dominical - 8 Nov 2013 - 24:49

O casamento entre Deus e a humanidade

Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

O Sacramento do matrimônio é um símbolo da união de Cristo com a humanidade. Pede São Paulo aos maridos que amem suas esposas do mesmo modo que Cristo amou a sua Igreja, quer dizer, morrendo por ela. No matrimônio, homem e mulher formam uma só carne, prefigurando, assim, o encontro definitivo – e escatológico – do Noivo com a Noiva, quando todos estarão unidos perfeitamente a Deus Nosso Senhor.

O Evangelho deste domingo medita exatamente sobre isso. Confrontado pelos saduceus, os quais não criam na ressurreição, o Senhor os desconcerta, dizendo: “Nesta vida, os homens e as mulheres casam-se, mas os que forem julgados dignos da ressurreição dos mortos e de participar da vida futura, nem eles se casam nem elas se dão em casamento; e já não poderão morrer, pois serão iguais aos anjos, serão filhos de Deus, porque ressuscitaram. Que os mortos ressuscitam, Moisés também o indicou na passagem da sarça, quando chama o Senhor de ‘o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó’. Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos, pois todos vivem para ele”.

Material para Download
Texto do episódio
Material para download
Comentários dos alunos

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.