CNP
Christo Nihil Praeponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
(Lc
18, 35-43)

Quando Jesus se aproximava de Jericó, um cego estava sentado à beira do caminho, pedindo esmolas. Ouvindo a multidão passar, ele perguntou o que estava acontecendo. Disseram-lhe que Jesus Nazareno estava passando por ali. Então o cego gritou: "Jesus, filho de Davi, tem piedade de mim!" As pessoas que iam na frente mandavam que ele ficasse calado. Mas ele gritava mais ainda: "Filho de Davi, tem piedade de mim!" Jesus parou e mandou que levassem o cego até ele. Quando o cego chegou perto, Jesus perguntou: "Que queres que eu faça por ti?" O cego respondeu: "Senhor, eu quero enxergar de novo". Jesus disse: "Enxerga, pois, de novo. A tua fé te salvou". No mesmo instante, o cego começou a ver de novo e seguia Jesus, glorificando a Deus. Vendo isso, todo o povo deu louvores a Deus.

Jesus, Deus feito homem, passou por esse mundo fazendo o bem (f. At 10, 38); e, por ter presentes todos e cada um dos membros de sua Igreja diante de seus divinos olhos, nada realizou sem pensar com terníssimo amor naqueles que haviam de crer sem ter visto (cf. Jo 20, 29). Por isso, todas as suas obras, para além de sua materialidade histórica, tal como nos relatam fidedignamente os Evangelhos, possuem um sentido e alcance salvíficos para todos os homens. Ao curar, pois, o cego de Jericó, Cristo revela que, dispersos pelo pecado, somos todos outros tantos cegos a vagar pelas trevas. Ele, porém, é a luz que vem a este mundo para, por meio da em seu nome, fazer-nos sair dessa escuridão (Jo 1, 9).

Nós, com efeito, assemelhamo-nos ao cego Bartimeu: ouvimos primeiro falar a respeito de Jesus e, com uma fé ainda incipiente e interesseira, queremos dEle benefícios e milagres; assim começa nossa vida de oração: "Então o cego gritou" e, ainda que o tentassem impedir, "gritava mais ainda", até que o Senhor o atendesse. Por meio de nossas necessidades, pois, Ele nos atrai para, ouvindo-nos enfim, chamar-nos a uma fé mais madura e confiante, que quer apenas servir sem nada receber em troca: "Jesus parou e mandou que levassem o cego até Ele". Movido por uma esperança agora mais firme, Bartimeu obedece, aproxima-se de Cristo e, uma vez curado, junta-se à multidão dos que louvam e bendizem o Senhor.

Peçamos hoje à Virgem Santíssima que nos ajude a crescer na fé, a fim de entregarmos a Jesus um coração mais puro e reto de intenções. Que Ele, iluminando-nos com a sua graça, nos faça sempre segui-lO com fidelidade e constância, para que possamos um dia, na glória do Céu, contemplar face a face Aquele que, por amor, nos levou das trevas à luz da verdade.

Download do Material

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.