CNP
Christo Nihil Praeponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®

344. Confiança filial em Deus

Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
(Lc
11, 1-4)

Um dia, Jesus estava rezando num certo lugar. Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe: "Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou a seus discípulos". Jesus respondeu: "Quando rezardes, dizei: 'Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino. Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos, e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação'".

As primeiras palavras que os Evangelhos põem nos santos lábios de Nosso Senhor são essas: "Não sabíeis que Eu devia estar na casa de meu Pai?" (Lc 2, 49); ao falar-nos pois pela primeira vez, não nos fala doutra coisa senão do Pai. E é justamente sobre o Pai que nos há de falar quando, à hora derradeira, der o seu último suspiro do alto do Madeiro: "Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito" (Lc 23, 46). Pois a vida do Salvador foi uma vida inteiramente entregue e dedicada a Deus, vida que nós, discípulos seus, devemos esforçar-nos por imitar, sobretudo por meio da oração que o mesmo Redentor hoje nos ensina: o "Pai-nosso". O Senhor quer, com efeito, que aprendamos pela oração a ter com Deus o mesmo relacionamento que há entre Ele e Aquele que o gerou: relacionamento de confiança, de amor, de doação. Peçamos hoje, memória de Santa Faustina Kowalska, apóstola da Divina Misericórdia, que Cristo Jesus nos dê a confiança de verdadeiros filhos do Altíssimo, a fim de podermos jogar-nos o quanto antes nos braços amorosos do nosso tão amado Deus-Pai.

Download do Material

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.