CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®

O fogo que Cristo quer atear sobre a terra

“Eu vim para lançar fogo sobre a terra, e como gostaria que já estivesse aceso! Devo receber um batismo, e como estou ansioso até que isto se cumpra! Vós pensais que eu vim trazer a paz sobre a terra? Pelo contrário, eu vos digo, vim trazer divisão.”

Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
(Lc 12,49-53)

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: “Eu vim para lançar fogo sobre a terra, e como gostaria que já estivesse aceso! Devo receber um batismo, e como estou ansioso até que isto se cumpra! Vós pensais que eu vim trazer a paz sobre a terra? Pelo contrário, eu vos digo, vim trazer divisão. Pois, daqui em diante, numa família de cinco pessoas, três ficarão divididas contra duas e duas contra três; ficarão divididos: o pai contra o filho e o filho contra o pai; a mãe contra a filha e a filha contra a mãe; a sogra contra a nora e a nora contra a sogra.”

No Evangelho de hoje, ouvimos de Jesus palavras um pouco enigmáticas. Jesus nos fala de um fogo que Ele quer acender, de um batismo pelo qual Ele quer passar. E não somente: diz que está ansioso para que isso aconteça.

Aqui nós vemos aquele que é o objetivo principal da vinda de Jesus sobre a terra. Jesus veio atear o fogo do seu amor, o fogo do Espírito Santo, e quer atear esse fogo em nossos corações.

Não somente isso: esse fogo não é um fogo “romântico”, de um amor que vai simplesmente aquecer nossos corações. É um fogo arrasador, um fogo que destrói, porque é necessário destruir o homem velho que está em nós; é necessário que o ouro seja acrisolado, purificado, porque só assim seremos capazes de dar a Deus o amor que Ele espera de nós.

É por isso que Jesus diz que Ele está ansioso. Sim, a palavra ansioso, aqui no original grego, dá a ideia de “aperto”: Ele tem algo que o impulsiona, que o “aperta”; Ele quer viver logo o seu batismo, quer morrer na Cruz, para atear esse fogo em nosso coração.

Exatamente aqui vemos que Cristo, de alguma forma, foi profetizado pelo profeta Elias. Elias foi aquele profeta que, cheio do zelo de Deus, tinha pressa, ateou fogo sobre os profetas de Baal e exterminou a idolatria. Exatamente porque exterminou o que havia de idolatria é que Elias pode ser o homem que, movido pelo Espírito Santo, dá a Deus o verdadeiro amor.

Pois bem, eis aí o projeto de Jesus. É o projeto de Jesus para você, para mim. Jesus quer verdadeiramente que nós passemos por um fogo purificador, e é exatamente por isso que, uma vez que estamos tomados por este fogo do amor de Cristo; uma vez que o homem velho vai morrendo, e você se torna capaz de seguir a Cristo, acontece uma coisa estranha.

Justamente isso nos surpreende no Evangelho de hoje. É a questão da divisão: “Vocês pensam que eu vim trazer a paz? Eu vim trazer a divisão”. Como é possível que Cristo, que é a favor da família, que quer que sejamos família no Céu, vai trazer divisão à nossa família?

Na verdade, Jesus quer que tenhamos comunhão com Ele. A ideia é a seguinte: Ele ateia fogo em nosso coração, por isso precisamos de uma passagem, de uma páscoa: morrer para ressurgir. Essa pessoa nova, que sai do outro lado, está unida a Cristo, e é exatamente porque nós vamos nos unindo a Cristo que, de alguma forma, vamos ter de nos separar daqueles que vivem uma vida mundana, daqueles que vivem uma vida egoísta, que não querem saber do amor.

Não é que queiramos essa separação. Queremos, na verdade, que eles estejam conosco, que eles venham para Cristo; mas, infelizmente, nem todos aceitam esse convite. É por isso que acontece a divisão.

Então, ateados pelo fogo do amor de Cristo, passamos pelo batismo, entramos em profunda comunhão com Ele, porque dizemos: “Não sou eu que vivo, mas Cristo é quem vive em mim” (Gl 2,20), e, infelizmente, isso nos divide do mundo. Mas Jesus tem pressa, muita pressa de que essa transformação toda aconteça dentro de nós: “Eu estou ansioso até que isso não aconteça”, diz Jesus.

Por que você ainda fica esperando? Corresponda a essa pressa de Cristo. Aceite o fogo, passe pelo batismo e viva em comunhão com Ele.

O que achou desse conteúdo?

0
0
Mais recentes
Mais antigos
Texto do episódio
Comentários dos alunos