CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®

As três ressurreições

Há três ressurreições: uma que já aconteceu, uma que acontecerá e uma que precisa acontecer agora. A primeira é a Ressurreição de Cristo; a segunda é a ressurreição dos mortos; e a terceira é a ressurreição da nossa alma, pela graça. Pois mais importante do que ressuscitar no último dia é ressuscitar para a glória do Céu.

Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João
(Jo 20, 1-9)

No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao túmulo de Jesus, bem de madrugada, quando ainda estava escuro, e viu que a pedra tinha sido retirada do túmulo.

Então ela saiu correndo e foi encontrar Simão Pedro e o outro discípulo, aquele que Jesus amava, e lhes disse: “Tiraram o Senhor do túmulo, e não sabemos onde o colocaram”.

Saíram, então, Pedro e o outro discípulo e foram ao túmulo. Os dois corriam juntos, mas o outro discípulo correu mais depressa que Pedro e chegou primeiro ao túmulo. Olhando para dentro, viu as faixas de linho no chão, mas não entrou.

Chegou também Simão Pedro, que vinha correndo atrás, e entrou no túmulo. Viu as faixas de linho deitadas no chão e o pano que tinha estado sobre a cabeça de Jesus, não posto com as faixas, mas enrolado num lugar à parte.

Então entrou também o outro discípulo, que tinha chegado primeiro ao túmulo. Ele viu, e acreditou.

De fato, eles ainda não tinham compreendido a Escritura, segundo a qual ele devia ressuscitar dos mortos.

Na homilia para este Domingo de Páscoa, Padre Paulo Ricardo fala de três ressurreições: uma que já aconteceu, uma que acontecerá e uma que precisa acontecer agora, enquanto ainda vivemos. A primeira é a Ressurreição de Cristo; a segunda é a ressurreição dos nossos corpos, no último dia; a terceira, porém, é a “ressurreição” das nossas almas. Pois mais importante do que ressuscitar dos mortos é ressuscitar com corpo glorioso. Mas isso só se dará com aqueles que, nesta vida, se uniram a Deus pela graça, “ressuscitando” do pecado e levando uma vida nova.

Material para Download
Texto do episódioMaterial para downloadComentários dos alunos

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.