CNP
Christo Nihil Praeponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João
(Jo 16, 16-20)

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: “Pouco tempo ainda, e já não me vereis. E outra vez pouco tempo, e me vereis de novo”. Alguns dos seus discípulos disseram então entre si: “O que significa o que ele nos está dizendo: ‘Pouco tempo, e não me vereis, e outra vez pouco tempo, e me vereis de novo’, e: ‘Eu vou para junto do Pai?’”.

Diziam, pois: “O que significa este pouco tempo? Não entendemos o que ele quer dizer”. Jesus compreendeu que eles queriam interrogá-lo; então disse-lhes: ‘Estais discutindo entre vós porque eu disse: ‘Pouco tempo e já não me vereis, e outra vez pouco tempo e me vereis?’

Em verdade, em verdade vos digo: Vós chorareis e vos lamentareis, mas o mundo se alegrará; vós ficareis tristes, mas a vossa tristeza se transformará em alegria”.

Jesus, que dentro em pouco ascenderá aos céus, adverte hoje os discípulos para que não se afastem de Jerusalém, mas que ali permaneçam unidos em oração, esperando — no que poderíamos chamar a primeira “novena” da história — a descida do Espírito prometido. Com efeito, ao longo desses nove dias que vão da Ascensão do Senhor à véspera de Pentecostes, a Igreja reforça suas orações para que o Espírito Santo, alma do Corpo de Cristo, baixe dos céus e orvalhe sobre os fiéis a abundância de seus dons e carismas, a fim de que todos, unidos como membros do Redentor, cheguem à verdade plena e à perfeição do amor. Por isso, é muitíssimo recomendável que todos façamos (a sós ou, de preferência, em pequenos grupos) a novena de Pentecostes e invoquemos, assim, o Espírito Santo, princípio da criação, o Amor pelo qual Deus tudo criou no princípio e recria agora, na ordem da graça, os corações humanos, tirando-os do caos do pecado e reconduzindo-os pelo caminho do bem e da verdade. — Purificai, ó Senhor, com o fogo do Espírito Santo, as nossas entranhas e os nosso corações, para que sejamos criaturas novas e agradáveis aos vossos olhos!

Download do Material
Texto do episódioDownload do áudio e textoComentários

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.