CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Conteúdo exclusivo para alunos
Assine agora
Texto da aula
Aulas do curso
Texto da aula
Escravidão Digital

O heroísmo dos que amam

Onde está o grande diferencial dos santos e santas da Igreja? Como explicar o seu heroísmo? A resposta está no amor que os movia e arrebatava, tornando-os capazes de fazer o que, humanamente, não nos parece possível. 

Isso acontece porque, sobre a natureza humana, já superior à de todos os outros animais, atua ainda outra força, mais elevada que tudo o que existe no mundo criado. É sobre ela que o Padre Paulo Ricardo começa a falar nesta terceira e última parte de nosso curso.

imprimir

Recapitulando

O cérebro

Até aqui nosso curso se concentrou em duas etapas. Num primeiro momento, voltamo-nos para o cérebro a fim de entender por que motivo e por quais meios ele está nos deixando no estado de adicção que se observa nos usuário da internet.

A conclusão foi que nosso cérebro, criado para um estado de privação, equipado com substâncias, como a dopamina, que nos motivam à caça sob a promessa de recompensa — que é a sobrevivência mesma —, está hoje experimentando um estado de abundância. O ambiente é outro, mas o cérebro é o mesmo. Efeito disso é o tédio, e a busca frenética por prazeres imediatos surge como suposto remédio.

Conhecendo perfeitamente esse mecanismo cerebral, as redes sociais e as plataformas, tomando lições com a indústria pornográfica, passaram a nos oferecer infinitamente essas recompensas fáceis. Acontece que, devido a estratégias de defesa do próprio cérebro, o internauta, como um cracudo, vai carecendo de doses cada vez maiores para um “barato” cada vez menor. Eis o caminho, do ponto de vista físico, para a escravidão digital.

A alma

O cérebro, pois, é a causa física, corporal do problema. No entanto,...

Conteúdo exclusivo para alunos
Aulas do curso
Texto da aula
Material para download
Comentários dos alunos