CNP
Christo Nihil Praeponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus
(Mt 20, 20-28)

A mãe dos filhos de Zebedeu, com seus filhos, aproximou-se de Jesus e prostrou-se para lhe fazer um pedido. Ele perguntou: "Que queres?" Ela respondeu: "Manda que estes meus dois filhos se sentem, no teu Reino, um à tua direita e outro à tua esquerda". Jesus disse: "Não sabeis o que estais pedindo. Podeis beber o cálice que eu vou beber?" Eles responderam: "Sim, podemos". Declarou Jesus: "Do meu cálice bebereis, mas o sentar-se à minha direita e à minha esquerda não depende de mim. É para aqueles a quem meu Pai o preparou". Quando os outros dez ouviram isso, ficaram zangados com os dois irmãos. Jesus, porém, chamou-os e disse: "Sabeis que os chefes das nações as dominam e os grandes fazem sentir seu poder. Entre vós não deverá ser assim. Quem quiser ser o maior entre vós seja aquele que vos serve, e quem quiser ser o primeiro entre vós, seja vosso escravo. Pois o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a vida em resgate por muitos".

S. Tiago Maior, cuja festa a Igreja hoje comemora, foi irmão de outro Apóstolo, S. João, o discípulo amado (cf. Jo 13, 23; 19, 26; 20, 2; 21, 7.20). Os Evangelhos referem-se aos dois como “filhos de Zebedeu” (cf. Mt 4, 21; Mc 1, 19; 10, 35; Lc 5, 10), e a mãe deles, Maria Salomé (cf. Mc 16, 1), foi uma das mulheres que permaneceram aos pés da cruz donde pendia o Salvador do mundo (cf. Mt 27, 56). A tradição nos conta que, depois de tentar sem sucesso evangelizar os povos hispânicos — no território correspondente à atual Península Ibérica —, Tiago lembrou-se de recorrer ao auxílio da Virgem SS., ainda viva. Maria ter-lhe-ia aparecido na cidade de Saragoça, às margens do rio Ebro, no alto de uma coluna, a fim de o consolar e dar-lhe perseverança no apostolado. Trata-se da primeira aparição mariana de que temos notícia, além de ser a origem da devoção a Nossa Senhora do Pilar, celebrada dia doze de outubro. A SS. Virgem ter-lhe-ia confiado ainda a missão de construir naquela região um templo dedicado a ela e revelado, por fim, que ele seria o primeiro dos Apóstolos a ter a honra de beber do mesmo cálice de Cristo, derramando o próprio sangue por aquele que se encarnou e morreu para nos merecer a vida eterna. Cumpriu-se assim, por intermédio de Maria, o pedido que Salomé fizera a Jesus muitos anos antes: “Ordena que estes meus dois filhos se sentem no teu Reino, um à tua direita e outro à tua esquerda” (Mt 20, 21). Esta mãe quis para um filho uma primazia terrena, num reino puramente político; mas Cristo, cuja coração não se deixa vencer em generosidade e cuja mente não se prende à lógica dos homens, deu a Tiago um privilégio muito maior do que um trono à sua direita: deu-lhe a graça de ser o primeiro a provar com sangue a grandeza de sua caridade. Que S. Tiago e Nossa Senhora do Pilar intercedam por nós e nos alcancem a graça de perseverarmos no cumprimento dos nossos deveres cristãos, a ponto de tudo entregarmos, como vítimas de amor, a fim de lucrar a Cristo.

Download do Material
Texto do episódioDownload do áudio e textoComentários

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.