CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Homilia Dominical
19 Jun 2015 - 28:45

Os três inimigos da alma

No Evangelho, a barca dos discípulos é agitada pelo vento forte e pelo mar bravio, mas, sobretudo, por sua falta de fé. Descubra, nesta pregação, quais são os três inimigos da Igreja e das almas, e como fazer para acalmar as tempestades desta vida e alcançar o porto da salvação.
00:00 / 00:00
Homilia Dominical - 19 Jun 2015 - 28:45

Os três inimigos da alma

No Evangelho, a barca dos discípulos é agitada pelo vento forte e pelo mar bravio, mas, sobretudo, por sua falta de fé. Descubra, nesta pregação, quais são os três inimigos da Igreja e das almas, e como fazer para acalmar as tempestades desta vida e alcançar o porto da salvação.
Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

No Evangelho, a barca dos discípulos é agitada pelo vento forte e pelo mar bravio, mas, sobretudo, por sua falta de fé. Descubra, nesta pregação, quais são os três inimigos da Igreja e das almas, e como fazer para acalmar as tempestades desta vida e alcançar o porto da salvação.

"E nós marcados com o sinal da cruz do Senhor no dispusemos a deixar o mundo, entramos na barca com Jesus, e nos esforçamos para atravessar o mar; mas enquanto navegamos em meio ao rugido do mar, Jesus dorme, quando em meio aos esforços das virtudes, a chama do amor arrefece seja pelo ataque dos espíritos maus, seja dos homens depravados, seja de nossos próprios pensamentos. Mas se, no meio destas tempestades, nós nos apressarmos a acordá-lo; ele logo acalmará a tempestade, restaurará a tranquilidade e nos concederá o porto da salvação." (São Beda, o Venerável, apud Santo Tomás de Aquino, Catena Aurea in Marcum)

Material para Download
Texto do episódioMaterial para downloadComentários dos alunos

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.