CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
PropagandaPropaganda

Conheça os sacramentos da Igreja com o Padre Paulo Ricardo

Texto do episódio
00

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus
(Mt 21,28-32)

Naquele tempo, disse Jesus aos chefes dos sacerdotes e aos anciãos do povo: “Que vos parece? Um homem tinha dois filhos. Dirigindo-se ao primeiro, ele disse: ‘Filho, vai trabalhar hoje na vinha!’ O filho respondeu: ‘Não quero’. Mas depois mudou de opinião e foi. O pai dirigiu-se ao outro filho e disse a mesma coisa. Este respondeu: ‘Sim, senhor, eu vou’. Mas não foi. Qual dos dois fez a vontade do pai?”

Os sumos sacerdotes e os anciãos do povo responderam: “O primeiro”. Então Jesus lhes disse: “Em verdade vos digo, que os publicanos e as prostitutas vos precedem no Reino de Deus. Porque João veio até vós num caminho de justiça, e vós não acreditastes nele. Ao contrário, os publicanos e as prostitutas creram nele. Vós, porém, mesmo vendo isso, não vos arrependestes para crer nele”.

Comentário exegético

Exposição da parábola.a) Imagem (vv. 28-31a). Um pai tinha dois filhos, a quem mandou ir trabalhar à vinha. O primeiro desobedeceu-lhe a princípio, mas depois, arrependido, cumpriu as ordens do pai; o segundo, embora prometesse obedecer, não obedeceu de fato. Logo, só do primeiro se pode dizer que fez a vontade do pai. — b) Aplicação (vv. 31b-32), feita pelo próprio Salvador: Em verdade vos digo que os publicanos e as meretrizes vos precederão (gr. προάγουσιν = precedem) no reino de Deus (gr. εἰς τὴν βασιλείαν, lt. in regnum, com ac. de direção). Os dois filhos representam dois tipos de judeus, a saber: os (maus) religiosos, i.e. os chefes do povo (fariseus, doutores, príncipes dos sacerdotes) e os pecadores públicos: estes, após terem resistido à vontade de Deus, fizeram penitência; mas aqueles, embora se dissessem justos, não fizeram de fato o que Deus lhes mandara (cf. 23,3: dizem, e não fazem). Logo, os publicanos e as meretrizes (exemplificacão κατ’ ἐξοχήν = ‘os membros mais vis da sociedade’) entrarão no reino de Deus antes que os soberbos e os mais ‘santos’ entre os próceres do povo.

V. 32. Dá em seguida a razão disso: Pois veio a vós João no caminho da justiça, i.e. mostrando-vos por palavras e obras o caminho da justiça, ou da penitência, e não crestes nele; pelo contrário, os publicanos e as meretrizes (i.e. qualquer pecador) creram nele (cf. Lc 3,12; 7,29s); mas vós, vendo a conversão deles, nem arrependimento tivestes (lt. nec pœnitentiam habuistis, gr. οὐδὲ μετεμελήθητε = não vos arrependestes, convertestes) depois para que crêsseis nele, i.e. nem depois disto, pelo menos, fizestes penitência, crendo por fim em João (cf. Lc 7,29s).

Material para Download

O que achou desse conteúdo?

0
0
Mais recentes
Mais antigos
Texto do episódio
Material para download
Comentários dos alunos