CNP
Christo Nihil Praeponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Evangelize compartilhando!
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Parresía
24 Ago 2010 - 34:34

Não somos melhores do que os outros!

Comunhão na boca e de joelhos, hábito eclesiástico, jejuns e longas orações: os católicos que querem ser fiéis à Igreja e buscar a santidade julgam-se, por acaso, melhores do que os outros? Será que não é soberba se esforçar desse modo para alcançar a perfeição? Neste "Parresía", Pe. Paulo Ricardo mostra como, a partir de meias verdades, o demônio desencoraja muitas almas que se colocam a serviço de Deus.
00:00 / 00:00
Parresía - 24 Ago 2010 - 34:34

Não somos melhores do que os outros!

Comunhão na boca e de joelhos, hábito eclesiástico, jejuns e longas orações: os católicos que querem ser fiéis à Igreja e buscar a santidade julgam-se, por acaso, melhores do que os outros? Será que não é soberba se esforçar desse modo para alcançar a perfeição? Neste "Parresía", Pe. Paulo Ricardo mostra como, a partir de meias verdades, o demônio desencoraja muitas almas que se colocam a serviço de Deus.
Texto do episódio

Texto do episódio

imprimir

Comunhão na boca e de joelhos, hábito eclesiástico, jejuns e longas orações: os católicos que querem ser fiéis à Igreja e buscar a santidade julgam-se, por acaso, melhores do que os outros? Será que não é soberba se esforçar desse jeito para alcançar a perfeição? 

Neste "Parresía", Pe. Paulo Ricardo mostra como, a partir de meias verdades, o demônio desencoraja muitas almas que se colocam a serviço de Deus. Querer melhorar, dia após dia, com o socorro da graça divina, não é orgulho nem vaidade, mas simplesmente o caminho normal que deveria percorrer todo cristão batizado!

Download do Material
Texto do episódioDownload do áudio e textoComentários

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.