CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®

Participe do nosso aniversário!

  • O aniversário é nosso, mas o presente é seu. Confira as ofertas:
  • Inscreva-se com 40% de desconto no plano anual;
  • Oportunidade de assinatura vitalícia. Um único pagamento para estudar conosco para sempre.
Assine agora
Preencha seu e-mail
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Erro ao criar a conta. Por favor, tente novamente.
Verifique seus dados e tente novamente.
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Verifique seus dados e tente novamente.
Boas-vindas!
Desejamos um ótimo aprendizado.
Conteúdo exclusivo para alunos
Assistir à aula
Preencha seu e-mail
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Erro ao criar a conta. Por favor, tente novamente.
Verifique seus dados e tente novamente.
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Verifique seus dados e tente novamente.
Boas-vindas!
Desejamos um ótimo aprendizado.
Texto da aula
Aulas do curso
Texto da aula
Terapia das Doenças Espirituais

Terapia da luxúria (II)

Os remédios para o pecado capital da luxúria devem ser adaptados às diferenças entre o homem e a mulher, pois os dois agem e reagem de maneira distinta quando o assunto é afetividade e relacionamentos.

Nesta aula de nosso curso de Terapia das Doenças Espirituais, conheça a terapia da luxúria e saiba como homens e mulheres podem viver de modo saudável a própria sexualidade.

77

De modo geral, todos os homens são como o filho pródigo: estão longe da casa do pai e precisam fazer o caminho de volta. O objetivo é alcançar o projeto original, ou seja, entender e adequar-se ao que foi o sonho de Deus para o homem e a mulher na criação. Este tema já foi amplamente tratado no curso "Teologia do Corpo", baseado no livro "Teologia do Corpo - o amor humano no plano divino" [1], com as catequeses do Papa São João Paulo II.

O homem, como os seus próprios órgãos genitais, parece estar condenado a uma espécie de exterioridade. Nesse sentido, encontra-se fora de si, está como que fadado a um exílio. A metáfora é oportuna para mostrar que a sexualidade masculina tem uma enorme propensão a não ser amor e a fazer da mulher um objeto sexual. O homem está voltado para fora e a janela através da qual a alma do homem sai, em seu "exílio" pelo mundo, são os olhos.

Tendencialmente, o homem é um voyeur, alguém que procura o prazer através do "ver", da visão. Por isso a pornografia é uma doença eminentemente masculina, ou seja, quem vê fotos e vídeos de mulheres nuas são homens e quem vê fotos e vídeos de homens nus, são homens também.

O homem tende a...

Conteúdo exclusivo para alunos
Aulas do curso
Texto da aula
Material para download
Comentários dos alunos