Teologia Mística e os Dons Carismáticos

Teologia mistica   main 6

O objetivo deste curso é abordar de forma teológica e inteligente, em sintonia com o Magistério e a Tradição da Igreja, os diversos aspectos da Teologia Mística, mais precisamente sobre os Dons Carismáticos e seu uso na Igreja.

A necessidade dessa explanação provém de um intenso debate que ocorre entre as diversas correntes de pensamento inseridas na Igreja. Alguns justificam o uso dos dons de forma indiscriminada, enquanto outros rejeitam esses mesmos dons e condenam o seu uso. E possível dizer que todos esses pensamentos têm razões, mas nenhum tem razão. O curso tem a pretensão de apresentar, de forma minuciosa e sistemática o pensamento da Igreja sobre o assunto.

Quer extraordinários quer simples e humildes, os carismas são graças do Espírito Santo que, direta ou indiretamente, têm uma utilidade eclesial, pois são ordenados à edificação da igreja, ao bem dos homens e às necessidades do mundo. (CIC 799)

Assim, antes de falar sobre o uso e a especificidade de cada um dos dons carismáticos é preciso conhecer qual é a fé da Igreja, sob a luz da Tradição e do Magistério e, somente depois observar os casos concretos. A falta de formação teológica e espiritual adequada sobre esses temas é o que motiva as discussões e incompreensões sobre o assunto que se observa dentro da Igreja.

Os carismas devem ser acolhidos com reconhecimento por aquele que os recebe, mas também por todos os membros da Igreja, pois são uma maravilhosa riqueza de graça para a vitalidade apostólica e para a santidade de todo o Corpo de Cristo, contanto que se trate de dons que provenham verdadeiramente do Espírito Santo e que sejam exercidos de maneira plenamente conforme aos impulsos autênticos desse mesmo Espírito, isto é, segundo a caridade, verdadeira medida dos carismas. (CIC 800)

Dessa forma, é mister que se conheçam todos os aspectos dessa Teologia, inclusive os históricos, bem como a maneira que um coração deve estar preparado para receber os dons carismáticos e fazer uso deles, de acordo com a vontade de Deus.

E nesse sentido que se faz sempre necessário o discernimento dos carismas. Nenhum carisma dispensa da reverência e da submissão aos Pastores da Igreja. A eles em especial cabe não extinguir o Espírito, mas provar as coisas e ficar com o que é bom, a fim de que todos os carismas cooperem, em sua diversidade e complementaridade, para o bem comum. (CIC 801)

Acima das vaidades humanas é a Verdade que deverá prevalecer ao final deste curso, pois é ela que será buscada ao longo desse estudo. Procurar a Verdade levará o aluno a uma progressiva melhora em sua vida cristã, pois, é consequência esperada quando se mergulha nos mistérios divinos:

Toda e qualquer vida necessita de se aperfeiçoar, e aperfeiçoa-se, aproximando-se do seu fim. A perfeição absoluta é a consecução desse fim, que só no céu alcançaremos. Lá possuiremos a Deus pela visão beatífica e pelo amor puro, e assim chegará a nossa vida à sua plena evolução, então seremos com toda a verdade semelhantes a Deus, porque o veremos tal qual é (...) (Compêndio de Teologia Ascética e Mística, Adolphe Tanquerey, 4ª Ed., 1948, pg. 01)

Sobre todos os outros, este é o objetivo maior do presente curso: fazer com que cada aluno aperfeiçoe a sua vida cristã de forma a poder, um dia, contemplar a face do Senhor.