Retiro de Semana Santa

Na Semana Santa, é celebrado o grande mistério da vida cristã: o próprio Deus morreu por nós, homens, a fim de salvar-nos e conduzir-nos à vida. Para vivermos bem as celebrações que se aproximam, é importante meditarmos estas realidades, adentrando no espírito da Paixão, Morte e Ressurreição de Nosso Senhor não apenas “de corpo presente", mas também com a alma.

Coroando o tempo de penitência e oração da Quaresma, o Padre Paulo Ricardo explica termos fora dos quais toda a teologia cristã e história da salvação perdem o seu sentido, como “expiação", “redenção", “sacerdócio" e “sacrifício". Compreender o significado dessas palavras – e debelar os erros que ameaçam a sua integridade – faz-nos ganhar profundidade na fé e viver a Páscoa com mais ardor e intensidade.

“Reconheçamos corajosamente, irmãos, e proclamemos bem alto que Cristo foi crucificado por amor de nós; digamos não com temor, mas com alegria, não com vergonha, mas com santo orgulho" (Santo Agostinho).