CNP
Christo Nihil Præponere"A nada dar mais valor do que a Cristo"
Todos os direitos reservados a padrepauloricardo.org®
Conteúdo exclusivo para alunos
Assistir à aula
Preencha seu e-mail
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Erro ao criar a conta. Por favor, tente novamente.
Verifique seus dados e tente novamente.
Use seis ou mais caracteres com uma combinação de letras e números
Verifique seus dados e tente novamente.
Boas-vindas!
Desejamos um ótimo aprendizado.
Texto da aula
Aulas do curso
Texto da aula
Credo Apostólico

A Providência e o escândalo do mal

Um dos grandes questionamentos da humanidade é o motivo de o Mal existir no mundo. A inteligência humana, por ser limitada, não é capaz de apreender a dimensão da visão de Deus, fixando-se apenas no momento presente. Assim, não consegue compreender claramente o propósito divino diante de acontecimentos tristes ou de certos infortúnios cotidianos. Deus, por sua vez, compreende ao mesmo tempo tanto o passado, o presente e o futuro; a vida atual e o caminho trilhado para a vida eterna de cada um.

39

Dando sequência ao estudo sobre a Providência divina uma questão crucial e que não é disfarçada nem mesmo Catecismo é aquela que se refere ao escândalo do mal. Ele indaga:

“Se Deus Pai todo-poderoso, Criador do mundo ordenado e bom, cuida de todas as suas criaturas, por que então o mal existe? Para esta pergunta tão premente quão inevitável, tão dolorosa quanto misteriosa, não há uma resposta rápida.” (309)

Infelizmente, na teologia liberal atual está acontecendo uma espécie de trapaça: para livrar Deus da acusação de que Ele seria a origem do mal, os teólogos acabam caindo numa espécie de “deísmo”, tal como o Padre André Torres Queiruga e a sua obra “Repensar o mal: da ponerologia à teodicéia”. Ponerologiaem> significa o estudo do mal e da maldade; teodiceia, por sua vez, quer dizer ‘a justificativa de Deus’ e esse termo foi inventado pelos filósofos exatamente como um esforço para filosoficamente livrar Deus da acusação de ser mau ou então de não existir, por causa da existência do mal no mundo. O que o Padre Torres Queiruga faz,nesse esforço, é amarrar as mãos de Deus.

O referido padre argumenta que Deus criou o mundo e, em sua sabedoria e...

Conteúdo exclusivo para alunos
Aulas do curso
Texto da aula
Material para download
Comentários dos alunos